Estilo de Vida

ANIMAL PRINT | O chip que pode salvar o seu pet

4 de janeiro de 2015

O chip eletrônico em pets não é novidade, mas a boa notícia é que nunca foi tão acessível. Em todos os sentidos. Atualmente, clínicas veterinárias especializadas no Vale do Sinos já fazem a instalação completa e garantem a segurança do seu cão ou gato de estimação. Uma destas clínicas é a Late & Mia, de Novo Hamburgo. Segundo a proprietária, Tati Forner Ethur, a identificação eletronica via chip é a forma mais eficaz e segura de cadastrar o proprietário responsável e evitar a permanência de animais perdidos por longos períodos nas ruas, diminuindo os riscos de doenças, acidentes e maus tratos. “Além de conter todos os dados sobre a vida dele, incluindo lembretes de vacinação, vermifugação, histórico médico e o que mais o proprietário quiser. Está se tornando cada dia mais importante por garantir o bem-estar e preservar os direitos dos animais. E não podemos nos esquecer que existem muitas pessoas mal intencionadas que estão roubando animais de estimação nos assaltos”, afirma Tati. Veja abaixo como funciona e tire suas dúvidas sobre o procedimento.


Rápido e simples

De acordo com Tati Forner, trata-se de um procedimento rápido, simples e indolor. “O proprietário que tem interesse em colocar o chip de localização no seu amiguinho vem até a nossa pet, é feito um cadastro deles onde conste todos os seus dados e o microchip é aplicado sob a pele. Logo após a aplicação, o médico veterinário passa a leitora sobre o corpo do animalzinho para confirmar o bom funcionamento do chip.”


Sem manutenção

“Não é necessário manutenção, não existe nenhum tipo de contra-indicação e pode ser instalado tanto em gatos como em cachorros”, ressalta Tati.

Gostou da ideia?

Procure a Late & Mia, na Rua Lucas de Oliveira, 177, Centro – Novo Hamburgo. Fones: (51) 3582.8375 / 3593-9705 / 8156-9737 | E-mail: lateemia@sinos.net

Você pode gostar também