Maggda Veste, News

MUNDO AFORA | Quantas cidades cabem em uma? | Sydney

19 de março de 2015

Sydney parece um mundo inteiro numa cidade só. E não estou falando só pelo tamanho, é imensa, mas pela diversidade cultural. Cada bairro se tornou um gueto, um pedacinho de algum país distante que os imigrantes tentam transformar em lar.

Bondi e Manly são o 27º e 28º estados do Brasil. Têm pessoas falando português nas ruas. E aquele clima de excitação, típico da cultura brasileira. O bairro é alegre, agitado, ensolarado – apesar de ter sempre mais vento que os outros. Os restaurantes são brasileiros, as festas são para brasileiros, música, enfim, é como se todos os estados do Brasil se misturassem num só.

A city é povoada pelos chineses, orientais em geral. Mas é lá que temos China Town, inúmeros restaurantes chineses, japoneses e tudo, mas tudo que você possa precisar, “made in China”, portanto, mais barato. Até frutas e verduras são mais baratas lá. Incrível como Chinês consegue transformar tudo em preços mais acessíveis. E claro, o bairro é decorado com motivos chineses, arcos luzes, gracinha.

E assim temos o bairro dos italianos, dos franceses e dos muçulmanos (onde todos usam burcas, os homens tem barba grande e as mulheres cobrem os cabelos e o corpo todo). Cada estação de trem parece levar para um novo país, uma Sydney diferente, transformada por culturas tão diversas que só numa viagem de volta ao mundo teríamos a oportunidade de ver. 

Por isso, também, que Sydney encanta. Em cada bairro há uma cidade nova.

FOTO1 IMG_0113 IMG_0112

Você pode gostar também