Arquitetura & Decoração

Paulo Sergio Niemeyer, bisneto de Oscar Niemeyer, lança seu 1º móvel da linha Niemeyer Design

4 de agosto de 2015

A Chaise Rio de Paulo Sergio Niemeyer, bisneto do extraordinário arquiteto Oscar Niemeyer, foi lançada durante a 20ª Feira da ABIMAD, maior exposição de Móveis de Alta Decoração da América Latina, que ocorreu no final do mês de julho passado, no Expo Center Norte, em São Paulo/SP. Inspirado na forma e beleza das montanhas da Cidade Maravilhosa, o modelo é clássico, contemporâneo e ao mesmo tempo, sofisticado e simples.

niemeyer_CHAISE_RIO

Imagem com Paulo Sergio Niemeyer,ao lado do arquiteto Oscar Niemeyer usada no convite de lançamento da Chaise Rio – Foto: Reprodução

A chaise compreende os atributos de leveza e sinuosidade, características comuns nas obras Oscar Niemeyer. “Nesta peça com um design tão marcante tive o objetivo de privilegiar o conforto e o resultado ficou realmente acima das minhas expectativas”, comenta Paulo Sergio.

A Spazio Associados é a responsável pela coordenação da produção da Chaise Rio, que será fabricada pela Milênio Home, já tradicional no ramo dos móveis de luxo.

O designer lançou seu primeiro modelo da peça em 24 de agosto de 2012, em St Moritz, na Suíça, em fibra de carbono na cor amarela (foto abaixo). Foi uma série limitada de apenas 40 unidades, certificadas e numeradas. No Brasil, a Chaise Rio é o primeiro móvel que consagra a marca Niemeyer para do design.

chaise amarela_niemeyer

Foto: Reprodução

 

 

Quem é Paulo Sergio Niemeyer?

Nascido em Paris, na França, na década de 1970, Paulo é arquiteto, urbanista e designer de móveis brasileiros. Sua atuação data mais de 20 anos. Filho da arquiteta Ana Elisa Niemeyer, neta do grande inventor do conjunto da Pampulha e dos principais edifícios públicos de Brasília, ele é o seu único bisneto formado em arquitetura. Em 1999 abriu seu escritório: Niemeyer Arquitetos Associados com sede na capital do Rio de Janeiro e também trabalhou no Memorial da América Latina com Oscar Niemeyer. Em 2010 abriu seu Instituto Niemeyer de Políticas Urbanas e Culturais – INPUC, instituição sem fins lucrativos que visa educação, arquitetura e cultura.

Essa vocação descoberta quando muito jovem, Paulo pode apurar ao longo do tempo, colaborando no desenvolvimento de projetos de Niemeyer realizados em muitas cidades brasileiras como aqueles construídos no Caminho Niemeyer em Niterói/RJ, Torre de Natal em Natal/RN , o Auditório São Paulo no Parque do Ibirapuera, em São Paulo/SP, Memorial Luis Carlos Prestes, em Porto Alegre/RS, Palácio Arariboia, Portugal Pequeno, restauro do Forte do Imbuí, Solar do Jambeiro em Niterói/RJ entre outros e no exterior a exemplo o Sede do jornal L’humanité – Saint-Denis – França. Sempre partilhando com aquele artista a busca da surpresa arquitetural. Não faltam “afinidades eletivas” entre Oscar e Paulo Niemeyer: a compreensão de que arquitetura é invenção, a procura de novas formas de comunicação visual, a preocupação em harmonizar espaços cheios e vazios, a eleição pelas curvas, torna seu bisneto o herdeiro das curvas de Niemeyer.

Mais informações em www.niemeyerarquitetura.com

Você pode gostar também