Eventos, Moda

EVENTOS | Calçadistas de malas prontas para feira italiana

12 de fevereiro de 2016

As expectativas são positivas para a participação de 69 marcas calçadistas brasileiras em uma das mais importantes feiras internacionais do setor, a theMicam. A feira acontecerá em Milão, Itália, entre os dias 14 e 17 de fevereiro, mas a programação do projeto Export Thinking, realizado através do Brazilian Footwear, programa mantido em parceria pela Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), inicia um dia antes com seminário preparatório.

Em estandes individuais que ocupam um espaço total de mais de 1,3 mil metros quadrados, as marcas nacionais prometem fazer bonito com a taxa cambial mais favorável que na feira realizada no ano passado, quando foram totalizados mais de US$ 8,4 milhões em negócios imediatos. Segundo a analista da Abicalçados, Patrícia Ledur, as mostras de produtos de inverno são altamente rentáveis para os brasileiros, sendo que a imagem positiva do produto no exterior e o impulso de um preço mais competitivo em função do câmbio podem ser indícios de uma mostra histórica para os calçadistas verde-amarelos. “Na primeira feira internacional do ano, a Expo Riva Schuh, ocorrida também na Itália, os resultados já foram muito superiores aos registros do ano anterior. A tendência é de que o movimento se repita na theMicam deste ano, com resultados superiores aos de 2015”, projeta Patrícia.

Seminário
Antecedendo a participação na feira, no dia 13, o projeto Export Thinking promove o seminário “Como construir uma coleção para conseguir o equilíbrio econômico da empresa?”. Ministrada pelo executivo da Diomedea, Enrico Cietta, a palestra traz aspectos como novas formas de consumo, riscos na produção e criação de coleções, economia criativa, entre outros.

Itália
Mesmo recebendo compradores de todos os continentes, a theMicam registra maior visitação de italianos. Representando um importante mercado para o calçado brasileiro, a Itália vem aumentando suas importações totais de calçados desde 2012. No ano passado foram comprados mais de 330 milhões de pares de calçados, sendo mais de 1,5 milhão deles verde-amarelos. Atualmente, conforme a Abicalçados, a Itália está na 17ª posição entre os destinos. “É um mercado enorme, com consumo de mais de 5 pares per capita. Aliando preço competitivo e produto de qualidade, certamente teremos incremento nos embarques para lá, já nos próximos anos”, avalia Patrícia. Segundo a analista, mais de 35% dos calçados importados pela Itália são de couro, produtos de alto valor agregado e que serão boa parte do portfólio apresentado pelos brasileiros na feira europeia de inverno.

12696329_999124226825306_1850805903_o

Participam da theMicam as marcas Anatomic & Co, Moema, Boaonda, Cherry by Boaonda, Laís Romani, Carrano, Cecconello, Democrata, Kildare, Dumond, Capodarte, Lily´s Closet, Madeira Brasil, Verofatto, Sapatoterapia, Werner, Vizzano, Beira Rio, Moleca, Molekinha, Modare, Sollu, Rider, Ipanema, Grendha, Zaxy, Tabita, Paolo Sesto, Capelli Rossi, Usaflex, Stéphanie Classic, Andacco, Freeway Easywear, Itapuã, Newface, Itsandal, Piccadilly, Lilybi, Ramarim, Comfortflex, Whoop, Radamés, Kontatto, Savelli, Pegada, Toni Salloum, Ortopé, Steps on Green, Teresa Gureg, Francajel, Frattina, Suzana Santos, Renata Mello, Bibi, Bebecê, Ferracini, Tanara Brasil, Kolosh Brasil, Via Scarpa, Jorge Bischoff, Loucos & Santos, Ala, Zatz, Sândalo, Clave de Fá, Guilhermina, Raphaella Booz, Luz da Lua e Cristófoli.

0a380f07-a6fd-444f-828b-1daa85eb39ef

1212695747_999124213491974_165581747_n

Você pode gostar também