Saúde & Bem-estar

SAÚDE & BEM ESTAR | COMO MANTER A ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL NO INVERNO, por Aline Furlan

24 de julho de 2017

Os meses de inverno podem ser um grande desafio para alguns de nós. Aconchegar-se em frente ao fogo ou da televisão em uma noite fria e chuvosa logo nos remete a comer algo super gostoso e…normalmente… bem calórico!

Mas você pode, com algum planejamento, fazer diferente e esta ser uma oportunidade perfeita para prática de atividade física e apreciar receitas nutritivas e saudáveis que, não apenas irão satisfazer e esquentar, mas fornecer benefícios nutricionais para aumentar suas defesas no combate às doenças típicas dessa época do ano. Observe:

– Aprecie a sopa: a sopa não tem que ser complicada já que é simples e fácil de preparar. Com muitos legumes, alguns feijões ou lentilhas e, talvez alguma carne, a sopa é o alimento perfeito para impulsionar seu sistema imunológico. Se você contrair uma gripe acredite no ditado que diz: ”…canja de galinha ajuda no seu restabelecimento…” porque ela realmente tem este poder.

– Faça uma caçarola: como o cozimento na caçarola é lento você pode usar cortes econômicos de carne (coxão mole, coxão duro, maminha, costeletas). A carne vermelha é rica em 2 minerais (zinco e ferro). As verduras contribuem com vitaminas, minerais e fibras. As leguminosas (grão-de-bico, feijão, feijão de soja) são excelentes fontes de proteína, baixo teor de gordura, alta concentração de fibra, baixo índice glicêmico.

– Inclua o alho: ele é um aliado na prevenção e combate à doenças, além de adicionar seu peculiar sabor aos alimentos. É rico em vitaminas, sais minerais, aminoácidos que fazem dele um poderoso antioxidante e anti-inflamatório, protegendo suas células dos radicais livres e prevenindo a formação de tumores cancerígenos.

– Abuse das frutas e dos vegetais: beneficiam seu sistema imunológico devido aos antioxidantes. Tente incluir no seu cardápio pelo menos 5 tipos ao dia para a variação de nutrientes. Uma boa dica é assar as frutas e refogar os vegetais.

– Escolha alimentos que contenham vitamina D: chamada a vitamina do sol, ela também é importante para o sistema imunológico. No inverno não recebemos vitamina D suficiente, visto que por muitos dias o sol pode não aparece. Neste caso, o alimento torna-se a fonte mais importante de vitamina D. Peixes ricos em gordura como o salmão, a cavala e as sardinhas são boas fontes de vitamina D e também  os leites e iogurtes fortificados com esta vitamina.

– Hidrate-se: mesmo que a temperatura lá fora esteja fria, você ainda precisa beber 6-8 copos de água por dia. Chá e café são ótima opções, mas evite o uso do açúcar.

– Preste atenção aos tamanhos de suas porções: é muito tentador ficar o tempo todo beliscando ou comendo uma porção enorme de algo que você adora para enfrentar o frio. Mas para evitar comer muito é melhor ter uma rotina com horários de refeições bem definidos. Sentar-se à mesa, comer com calma, desligar a TV e reservar metade do seu prato de jantar para os vegetais contribuirá para uma noite de sono reestabelecedor.

– Continue se movimentando: se o tempo está ruim, exercite-se na academia, faça pilates, aulas de natação e até mesmo em sua casa, pulando corda ou dançando. Se não está doente, o frio e o mau tempo não servem de desculpa para não fazer uma atividade física. Procure ser mais ativo no seu dia a dia, pequenas atitudes como subir escadas no lugar de usar o elevador ou andar e conversar em vez de enviar uma mensagem a um colega próximo, já são ações que parecem pequenas, mas a soma delas no final do dia contribuem muito para sua saúde.

O importante é não deixar que as baixas temperaturas desanimem você de seguir uma rotina saudável, o que garantirá a melhora na sua imunidade e qualidade de vida. Mantenha seu corpo em movimento e sua vida será muito mais dinâmica.

E que tal uma sopinha que é uma perfeita combinação de sabor e saúde?  Vamos à ela!

Creme de Moranga 

Ingredientes

500 g de moranga cabotiá

1 cebola grande

1 dente de alho

2 talos de alho poró

1/2 copo de água

1 colher de sopa de farinha de aveia

Pimenta e Sal à gosto

Modo de Preparo 

Cozinhe a moranga cabotiá até ficar bem macia. Reserve.

Numa panela refogue o alho poró cortado em rodelinhas.

Bata no liquidificador com o ½ copo de água, a moranga, a cebola, o alho, a farinha de aveia, a pimenta e o sal.

Coloque na panela com o alho poró refogado e cozinhe por mais 10 min. Prontinho para servir.

Você pode substituir o alho poró por gengibre (um pedaço inteiro de 2 cm +/-) no segundo cozimento.

Ainda, ervas frescas ou temperinho verde para finalizar. Enfim, use sua criatividade e deixe a sopa do seu jeitinho!

www.alinefurlan.com.br

Você pode gostar também